30 outubro 2007

Claudia Canales na Morar Mais por Menos

foto: Alan Vistoshi


Jardim que utiliza pouca vegetação, quebrando o padrão que um jardim precisa ter muitas plantas para ser agradável. Este jardim quer levar as pessoas a se perderem no horizonte, deixando a mente descansar.


Dentro do conceito “Morar Mais por menos”, quais os destaques do ambiente? A impressão do céu no vidro, é sem dúvida, um ponto forte deste ambiente, primeiro pelo conceito, trazendo este tipo de impressão para ser usada como decoração. Segundo, pelo ponto de fuga que este “rasgo” para o céu cria no ambiente. Os outros matérias, são extremamente acessíveis. Estamos usando o pinus auto clavado, o piso de aproveitamento de coral fóssil, e uma planta seca, aproveitando toda a beleza da natureza, mesmo depois de morta. A reciclagem sendo levada ao pé da letra!!

. Todo o projeto começou à partir de uma lenda que dizia mais ou menos assim : “Um homem ficou sabendo que existia um mosteiro nas longinguas montanhas do Tibet, que era conhecido pela sua deslumbrante paisagem. Todos que lá passavam tinham uma experiência de transformação quando eram tocados por aquele belo horizonte de montanhas, vales e um céu límpido. Então o homem reuniu todas as suas economias e empreendeu uma viagem em direção daquele mosteiro tão famoso. Ele buscava ser tocado por aquela paisagem. Após dias de viagem, ele finalmente chegou ao local e como estava muito cansado foi logo conduzido para seus aposentos. Para seu espanto, quando chegou ao quarto, este não tinha uma única janela !! Pensou consigo: Aonde está a maravilhosa paisagem deste local ?? E se é tão bonita, porque não está escancarada em um janelão de vidro voltado para as montanhas?? Bem, como era muito tarde, resolveu dormir. Quando acordou, constatou que realmente não se enganara e o modesto quarto não havia nenhuma janela sequer. Intrigado, foi até o banheiro, o qual também não encontrou nenhuma abertura ! Bem, resolveu vestir-se e ir reclamar com algum monge encarregado da distribuição dos quartos. Que audácia !! Ele que vinha de tão longe ficou justamente com o quarto pior !! Mas ao escovar os dentes, pode notar um pouco acima da torneira, uma pequena abertura. Ao abaixar-se , conseguiu ver por esta pequena fresta a PAISAGEM MAIS LINDA E COMOVENTE QUE JÁ TINHA PRESENCIADO EM SUA VIDA !! Então entendeu....as melhores coisas são para ser descobertas e saboreadas como um presente !!

Claudia Canales é Paisagista, parceira da Luiz Henrique Arquitetura

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentario!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisar